Que tal trocar o cafezinho por um pouco de CHA?

- Mercado Conteúdo

Um ideograma vem sendo bastante comentado nos últimos anos e auxiliando na avaliação profissional dentro das empresas. Conhecido como CHA (conhecimento, habilidade e atitude), ele vem ganhando espaço no meio corporativo para auxiliar a identificar as competências dos colaboradores e formar equipes mais integradas e preparadas.

Esse assunto é muito desafiador, pois não conseguimos padronizar uma definição de competência, uma vez que essa definição é muito particular e muda de pessoa por pessoa. O CHA, no entanto, veio para nos ajudar nessa mensuração.

A letra C representa o know-how sobre determinado assunto, algo que ajude a agregar valor nas argumentações profissionais e pessoais.

Já o H diz respeito à habilidade que o colaborador possui para executar as ações e trazer resultado para empresa, saber colocar em prática o “C” e executar todo seu know-how. A letra A está muito atrelada à pró-atividade do colaborador, à atitude de querer fazer e tomar esta inciativa.

A partir disso, entende-se que o ideal seria a junção do conhecimento e da habilidade sendo executadas pela atitude. Importante lembrar que alguém pode ser mal avaliado mesmo que tenha o conhecimento sobre um determinado assunto, por não possuir a habilidade e a atitude para gerar resultado. E o mesmo acontece se existe muita atitude, mas não o domínio do conhecimento e da habilidade para se alcançar um bom desempenho.

Por isso, vemos o quão importante é a relação entre a equipe que planeja e a equipe que executa as ações dentro de uma agência, por exemplo, e, assim, todos os departamentos devem estar diretamente ligados e alinhados para que, ao se colocar em prática um projeto, o resultado vá além das expectativas.


Por: Gabriela Godoi